Feliz 2011!!!!

Está no Itunes o cd novo do meu bro Mr. Yonsen Maia



Uma das últimas do ano.
Está no Itunes o cd novo do meu bro Mr.Yonsen Maia,”Across the Universe”,um disco muito legal que ansiava há algum tempo vê lo lançado.

O fato, é que uma das seções mais bacanas de gravação que participei , foi a deste disco.

Lá pelos idos de 98/99 , o Yonsen gentilmente me convidou para tocar no projeto, numa faixa ao lado do Wander, do Eduzinho e do Luis Sacomã; uma honra enorme...muito mais do que gente que trabalhava junto,são ícones que participaram de minha formação.

Lembro de receber os Adats(eita!!!!) via correio e dar uma de produtor da sessão ,agendando horários, orientando os mapas da parte de cada um,etc e tal...

Foi um momento muito especial, fato que gravar é uma maneira de deixarmos a nossa marca ,nos expressando e a gravação de meu solo retratou um momento muito peculiar; lembro como se fosse ontem.

Passava uma série de turbulências pessoais; alguns entraves no trabalho, o fim de um relacionamento afetivo muito complicado(mistura de Titanic com a nave Discovery) .

Lá ia eu num solitário domingo a tarde fazer o meu dever cívico com a música, (mesmo com a mente e alma meio perturbados); uma leve chuva caía na entrada do estúdio do IG&T antigo, no meio da Av.Indianopolis ; lá pedia licença para algumas meninas que defendiam o seu,( exercendo a profissão mais antiga da raça humana)e o fazem até hoje naquela região.

Estava sem roadie ,carregando num braço um cabeçote Super Lead e no outro minha Music Man que fazia sua vez de Katana no meu caminho “mezzo Ronin”(se é que me entendem...)

Lembro de plugar o Marshall numas belas caixas Mesa 4x12 do André Batista( grande guitar e amigo, dono do estúdio na época, junto com o Rogerio Aaron) apenas empurrando o drive com um turbo da Boss.

Posicionar o mike , mandar ligar “a luz vermelha” 123.. num take , estava feito o solo..

Podemos conferir o resultado na faixa G9 ,uma festa de “shred” que conta também com o Luis Caldas(para quem não sabe um guitar de mão cheia) e o baixo venenoso do Arthur Maia.

Muito legal é ouvir a performance de todos este amigos;acima de tudo a do Wander, um cara que faz uma falta absurda ,tanto que divido minha vida em A.W. e D.W.(antes do Wander e depois do Wander)dada a influência de sua presença.

É amiguinhos..tudo passa...nada é constante como diz meu sogro: _tudo passa e o que fica é a saudade... e como disse numa outra ocasião uma monge budista: _Este mundo é "hospedaria transitória”

A arte é uma maneira de chutar a bunda da efemeridade de tudo! Fica a dica de conferir este disco ,Across the Universe, uma verdadeira fusão de brasilidade com guitarra virtuose que o meu amigo Yonsen manda tão bem...

Não deixem de prestigiar!
Segue o link: http://tinyurl.com/2vljd6b
Bom Natal a todos !!!!
Oka