Fellini 2008

Para que serve o Fellini?

Uma de minhas maiores curtições na minha tímida adolescência era : ( além de estudar por horas e horas guitarra) ler e assistir filmes.
Meus pais souberam me nutrir com uma dieta salutar de cinema , indo de Carlos Saura a Kurosawa, Greenway e David Lynch até Fellini.
Fazia parte do ritual de sábado chegar em casa com a sacolinha que sempre incluía uma tranqueira divertidíssima como Mad Max ou Rambo, um filme “educativo” para adolescente (geralmente estrelado por uma bombshell que atendia pelo nome de Tracy, Ginger ou Marilyn) e um filme dos diretores citados no parágrafo anterior.Fazia parte do mesmo ritual o atendente gordinho , metido a crítico de cinema ,encher o meu saco afirmando que os diretores sofisticados não faziam parte do meu perfil de gosto cinéfilo(eita....)
O fato que aquelas noites de sábado curtindo obras mágicas como Amarcord(meu favorito), Ensaio de orquestra e La nave va foram maravilhosos
Pura poesia onírica, onde o surrealismo se faz arma sutil para críticas sociais.
Ligar a TV nestes dias não chega nem no maior sonho das bizarrices do maestro romano.
Com todo o respeito a tragédias e perdas, afirmo que assistir quem tem todas as evidências contra, negar uma barbaridade cometida ,rindo em rede nacional orientado pelo advogado, beira à insanidade.
Da mesma parte que pessoas atingidas pela tragédia dançam ao lado de artistas de talento questionável, ao lado de um pároco,que esta mais para show man também me choca.
Nos céus se abate outra tragédia com ares de absurdo, onde outro pároco singra os ares carregado por balões de festa....
O fenômeno Big Brother, onde todos são artistas natos (com contrato em potencial para a Playboy ou Brasileirinhas,milhão de discos vendido e livro de memórias traduzido para 15 línguas) , é terreno onde o surrealismo se plasma ...
Dia a dia que se coroa até por terremotos na terra da garoa, num horario em que eu estava absorto ensinando Smoke on The Water para alunos compenetrados....

E la nave.... va........

Oka

Grovin with Aliens....



Última sexta dei uma escapada do casulo familiar para dar uma canja com o Alien Groove , super trio de fusion , o qual o guitar Rodrigo é um grande amigo a "apoiador da causa"....
No divertimos a beça tocando "House full of Bullets " do velho e bom Satriani

Bem-vinda Isa!!!!!



galera... sorry pelo sumiço, passei este último mês cumprindo extritamente minha agenda profissional( e o Blog ficou meio abandonado)
Motivo mais que justo para minha ausência: a chegada de minha filha Isabella Ramos Okayama no último de 19 de março!
Não vou me extender muito para não perder a mágica, mas garanto ,como disseram os meus amigos que ja são pais, do mais porra louca ao mais coorporativo: É a melhor coisa do mundo.....